Stress pra lá stress pra cá, stress no nome do blog, stress em todo lugar. Mas o que é Stress, qual a definição dessa palavra maldita?

Trata-se do o resultado de uma reação que acontece no nosso organismo, quando entramos em contato com fatores externos desfavoráveis. Vale qualquer coisa que nos deixe tensos, como raiva, frustração, tristeza, infelicidade ou até mesmo a mistura de tudo isso. Uma maravilha, né?

Olha, tem como minimizar seus efeitos. O post de hoje se dedica a dicas de atividades físicas pra driblar o stress e ainda, manter a saúde e a boa forma.

Yoga: na verdade é um conceito que se refere às tradicionais disciplinas físicas e mentais originárias da Índia. Há dezenas de linhas diferentes da prática de ioga, que propõem, cada uma delas, não necessariamente caminhos contraditórios, e sim diversos para alcançar os mesmos objetivos – equilíbrio, exercício da postura e do autocontrole.

Alongamento: é a pratica de alongar os músculos em formas de exercícios físicos, além de relaxar as articulações, melhora a respiração e quando praticado corretamente, contribui para o alinhamento da postura, diminuindo também o risco de lesões musculares.

Pilates: método de alongamento que mescla exercícios físicos e se utiliza do peso do próprio corpo para a sua execução. Reeduca os movimentos do corpo, restabelecendo e aumentando a flexibilidade e tônus muscular. Também melhora a respiração, corrige a postura e previne lesões musculares.

Esporte (tênis, basquete, vôlei, a seu gosto): Aqui a diversão é a chave para aliviar o stress, embora não tenha necessariamente ligação com a postura, a respiração e o equilíbrio do individuo, atividades físicas que misturam o prazer e o exercício, são a chave para aliviar o stress.

O segredo: regularidade! Entenda porque faz bem, o Dr. Turíbio Barros, é fisiologista e Coordenador do CEMAFE (Centro de Medicina da Atividade Física e do Esporte) deu a seguinte declaração à página do Dr. Drausio Varella:

“O exercício físico libera, no cérebro, substâncias,[...] neuromediadores ligados à gênese do bem-estar e do prazer. Por ser um potente liberador de endorfina, o exercício físico cria a boa dependência quando praticado regularmente e faz falta como faria qualquer outra substância associada ao prazer.

Em outras palavras, a liberação de endorfina, somada à melhora da auto-estima proveniente da sensação de estar fazendo algo em benefício da própria saúde e bem-estar, provoca esse estado de plenitude que experimenta o praticante regular de atividade física.”

Comments Off

Postado por: admin

Comments are closed.

O stress já afeta grande parte da população mundial. São pessoas que não dormem bem, se alimentam mal ou estão passando por uma fase difícil. Milhares de fatores podem provocar um stress. Alguns desses fatores e consequências você pode ver por aqui.